Top Social

Cães são bons na cama?

16.3.12
Cães| Grandes nomes da História partilharam a sua cama com os seus cães. Rainha Victoria de Inglaterra compartilhou o seu leito de morte com um Lulu da Pomerânia. Czar da Rússia, Pedro, o Grande, dormiu com o seu galgo italiano. Ao longo da história, as pessoas foram se acomodando com os caninos à noite. E por que não? É tão obviamente tentador, ainda para mais tendo um Caniche como aquecedor de cama, ou um Dachshund como aquecedor de pés.

Ao dormir com o seu cão, estará ao mesmo nível que ele, estará a dar-lhe autoridade para tal. Quando você   ajusta, educadamente, a sua posição de dormir para que o seu cão caiba a seu lado, estará a agir como seu subordinado.

Se você se afirmar como o alfa da matilha, você provavelmente não precisa de se preocupar. Se o seu cão se mostra agressivo ou ansioso, esses comportamentos podem significar que você está em risco de uma mordida, e talvez seja hora de consultar um instrutor profissional para o seu cão. Os comportamentos potencialmente perigosos devem ser tratados antes de convidá-lo para a festa do pijama. Analise bem o seu comportamento durante a noite e hábitos de sono. Confira que tanto você como o seu cão estão com a saúde em dia. Pense duas vezes em co-dormir com o seu cão. 

Poderia compartilhar a sua cama com um cão que apresenta riscos à saúde?
Você pode ficar doente ao dormir com o seu cão de pequeno porte?

A lista de doenças, que podem ser transmitidas pelo seu cão, pode ser bastante chocante. De acordo com um estudo publicado na revista Emerging Infectious Diseases, os riscos para a saúde incluem tudo, desde parasitas internos a peste bubónica. Sim, essa peste bubónica, bem como mais comuns (mas não menos assustadoras) doenças, tais como Staphylococcus aureus resistente à meticilina, ou meningite. Com o emprego de doses regulares de cuidados preventivos e de senso comum, você pode desfrutar de um afago a meio da noite com o seu cão, mesmo que tenha alguma alergia. Se os problemas de asma ou relacionados surgirem quando você estiver com o seu cão, tente utilizar um filtro de ar para absorver alergéneos e lavar os lençóis com maior frequência.

Se, no entanto, você tem uma condição de saúde mais grave que compromete o sistema imunológico, tais como HIV positivos ou está submetido a tratamentos como quimioterapia, não é uma boa ideia dormir com o seu cão. As suas defesas estão enfraquecidas e pode ter problemas para lidar com a tensão.

Se dormir com o seu cão simplesmente não é correcto para si, coloque uma cama confortável para o seu cão perto da sua, para que possa ter um sono melhor. 

Posto isto, o Sr. Lucas dorme na sua caminha, no chão, e jamais tentou dormir na minha cama. Sabe bem os limites da casa. Não me sentiria bem com o Lucas dentro dos meus lençóis, e não é por isso que o amo menos.