Top Social

18 coisas que aprendi com o meu cão

25.9.13
Patas&Focinhos Fotografia
Tantas e tantas vezes tropeço em listas sobre isto e sobre aquilo. Sobre tudo e sobre nada. Pelo que resolvi criar a minha própria lista: 18 coisas que aprendi com o meu cão.

Eu tenho vindo a aperceber-me que aprendo todos os dias com o meu cão. Ele é o melhor professor de todas as matérias fofinhas, más cheirosas, pacientes e amáveis. Espanta-me a capacidade que ele tem em continuar a ensinar não só a mim, como ao mundo.

1) As ruguinhas são bonitas, ou, no mínimo, agradáveis. As pessoas certas irão adorar e abraçá-lo.
2) Massagens no bumbum. Nunca teve nenhuma? Não sabe o que anda a perder. É um território inexplorado pelas massagistas.
3) A preguiça pode ser considerada uma virtude , se as pessoas o consideram bonito o suficiente (vergonha: tem que ser muito bonitinho ) .
4) Deitado de barriga para baixo sobre um piso de madeira fria é uma óptima maneira de arrefecer quando está calor lá fora. Eu não aconselho a fazê-lo no trabalho.
5) Às vezes é realmente necessário gastar tempo para encontrar o lugar perfeito para o cocó.
6) Os puns não são nada de que se deva envergonhar. Deve ser sempre dirigido a entes queridos para demonstrar orgulho e lembrá-los do nível de conforto, devoção e carinho. Isso também irá provar a falta de vergonha latente antes mencionado.
7) Lamber pessoas, lugares e coisas desconhecidas, especialmente sem permissão ... quase nunca é uma boa ideia.
8) Longos passeios curam a inquietação.
9) Babar é natural.
10) Amar incondicionalmente e sem medo não é impossível.
11) Às vezes, a felicidade está nas pequenas coisas da vida, como uma colher cheia de manteiga de amendoim ou um brinquedo, o verde da relva no parque.
12 ) Corrida com total liberdade é uma experiência fantástica.
13) A teimosia não está limitada a humanos.
14) A palavra "fofinho " nunca fica velho.
15) O seu cão é e sempre será o seu melhor e mais precioso acessório.
16) Nem toda gente gosta, ou mesmo gosta de cães . Este fenómeno é estranho, tanto para cães e proprietário, mas também é bom. Nem toda a gente tem que fazer.
17) O ronco é tolerável - mesmo adorável - quando está a babar-se de forma tão fofinha e adorável.
18) Nunca devemos tomar como certo que: a nossa língua se encaixa perfeitamente dentro da nossa boca.

O que você aprendeu com os seus animais de estimação passados ​​e actuais ? Qual seria a sua lista?