Top Social

Perigos do Natal: decorações

30.11.12

Cães| Ainda não fizemos a nossa árvore de Natal, mas já entramos no espírito. Onde quer que se esteja já se repara no excesso de marketing, nos centros comerciais abarrotados de gente, nos embrulhos que andam de mão em mão até saírem da loja.
A época do advento leva-nos a ficarmos de tal modo anestesiados que nos esquecemos dos perigos que as decorações de Natal representam para os nossos felpudos e peludos.
  • Luzes
    • Depois de erguer a árvore, quem não gosta de ver o resultado final todo iluminado? As luzes são uma fonte de grande perigo para os animais de companhia - seja uma tentativa de morder ou até de puxarem. Existe o risco de choques e queimaduras eléctricas (na língua ou no focinho) ou até alterações neurológicas ou metabólicas graves. 
  • Bolas de Natal
    • Qual o peludinho ou felpudo que não acha piada a meia dúzia de bolinhas penduradas? Para eles as bolas podem parecer brinquedos ou até algo apelativo para comer. Existem casos de gatos que engoliram uma bolinha ou cães que ao morderem ingerem pedaços. Já viu o quão mal faz ao estômago do seu pet e os danos inerentes a este tipo de situações? Tanto as bolas de natal como as fitas brilhantes ou até mesmo o presépio são perigosos para o seu pequeno.
  • Azevinho
    • Estas plantas de Natal são tóxicas tanto para animais como para humanos. Se optar por ter em casa este tipo de plantas mantenha longe do alcance dos seus pets. Mesmo as plantas artificiais podem ser fatais. Imagine se o seu gatinho ingere uma baga de plástico, tal acto pode levar a uma obstrução intestinal.

A melhor forma de evitar acidentes é prevenindo. Mantenha as tentações longe dos patudos. Uma árvore de Natal pode ser muito interessante e bonita, mas acarreta imensos perigos para um cão ou um gato. Eles não têm a mesma percepção das coisas como nós temos. Uma árvore para nós é bonita toda decorada e iluminada. Para os patuscos, uma árvore pode ser um belo lugar para alçar a pata e as bolas de natal serem usadas como brinquedos para arrancar e brincar. 
Não tem de deixar de fazer a sua árvore de Natal. Tem de estar atento a qualquer movimentação do patudo e delinear onde ele pode estar ou não.